Resenha - Man Repeller | Leandra Medine

Man Repeller - A divertida moda que espanta os homens é o primeiro livro autobiográfico da americana Leandra Medine, dona do blog com o mesmo nome. 

No livro, a autora compartilha de uma forma bem humorada e insolente algumas de suas memórias e compartilha fotos de seu arquivo pessoal. Obviamente, Leandra fala como se transformou em uma repelente de homens e a origem do blog de acordo com seus mil amores, excesso de mistura de tendência, obsessão pela moda e por compras - sendo comparadas muitas vezes até a própria Carrie Bradshaw de Sex and the City. 

Tudo isso fez com que Leandra tivesse uma assinatura pessoal bastante peculiar. No meio de camadas de roupas  poque faziam  homens passar bem longe ou simplesmente não levá-a a sério em relacionamentos, ela se viu em um grande dilema ao teorizar a frase “Moda boa é aquela que agrada às mulheres, não aos homens” e a partir daí, com a ajuda de uma amiga que a fez enxergar o porque de ser considerada uma espanta homens o blog Man Repeller foi criado.

"Em seu primeiro livro, a badalada blogueira e queridinha do mundo fashion conta suas divertidas memórias. Com jeito insolente, uma franqueza desconcertante e fotos de seu arquivo pessoal, Leandra compartilha detalhes da noite em que perdeu a virgindade, quando esqueceu de tirar as meias soquetes brancas, e descreve o momento em que percebeu que a clutch Hermès vintage da sua avó, feita de pele de avestruz, poderia guardar muito mais do que a chave e o celular. Leandra é a prova de que não precisamos trair nosso estilo repelente nem mesmo ao procurar o vestido de noiva (que pode ser muito bem ser combinado com uma jaquetinha perfecto de organza). Exibindo as opiniões originalíssimas de uma blogueira que ganhou milhões de fãs, este livro reúne experiências divertidas e meio bizarras, uma história amor superdoce e, acima de tudo, um lembrete para celebrarmos um mundo que é feito pelas mulheres e para as mulheres."
Com o sucesso mundial do blog ganhou um lugar na lista dos 25 melhores blogs de 2012 da Times e tem em média 5 milhões de visitas por mês, Leandra viu que já estava na hora de sair das telas dos computadores e publicar um livro com suas experiências desde a perda de sua virgindade, até o momento que a Man Repeller deixou de repelir homens e casou-se. Ou será que mesmo com todas as loucuras da autora, seu namorado/marido não deixou-se ser repelido? 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou da postagem?