Resenha - Interpretação de Textos

A interpretação de textos, tão comum em provas de português, sempre foi um martírio para os alunos ou candidatos a concursos públicos ou vestibulares. A dificuldade é geral e, com certeza, oriunda da falta de treinamento. As pessoas têm pouca disposição de mergulhar no texto; elas conseguem, obviamente, lê-lo, mas não aprofundam a leitura, não extraem dele aquelas informações que uma leitura superficial, apressada, não permite.

Ao tentarem resolver o problema, as pessoas buscam os materiais que julgam poder ajudá-las. Caem, então, no velho vício de ler teoria em excesso, estudar coisas que nem sempre dizem respeito à compreensão e interpretação dos textos. Cansadas, não fazem o essencial: ler uma grande quantidade de textos e tentar interpretá-los.

Este livro que chega às suas mãos é extremamente prático. A teoria apresentada é pequena, mas deve ser estudada com boa vontade e disposição de aprender. Depois, você vai encontrar uma enorme quantidade de textos, 112, para ser preciso. São 815 questões, mais de 4.000 itens, todos comentados. Fundamental é que você os leia na ordem em que são apresentados, resolvendo com atenção máxima as questões propostas. Começa-se por textos muito curtos, uma ou duas linhas, e vai-se aumentando, tanto em tamanho quanto em dificuldade. Cabe ainda ressaltar que não tivemos a preocupação de distinguir interpretação de compreensão. Levando-se em conta o objetivo da obra, isso seria absolutamente inútil.

Não tenha medo da interpretação de textos. Como qualquer outra atividade intelectual, ela pede paciência e boa vontade. Não tente fazer apressadamente, pois isso prejudicará o seu estudo. Talvez o mais difícil seja começar. Depois, acredite, vem o progresso, objetivo maior de todos nós.

Muitos estudantes estão voltando de férias hoje, então, nada melhor que começar a semana de aula com a indicação de uma obra que ajudará não só na vida colegial como para o dia-a-dia de muitos que têm como hábito ler - ou até mesmo os que estão querendo pegar o hábito -, e claro, os concurseiros que têm uma certa dificuldade com a interpretação de algumas obras, por conta da escrita ser mais puxada. Vemos com frequência essa dificuldade das pessoas para com os livros de autores de antigamente, exemplo: William Shakespeare, Clarice Lispector, Carlos Drummond de Andrade, Fernando Pessoa, dentre outros.

Uma obra fantástica com dicas excepcionais para que se faça uma boa leitura. Assim como um bom vinho, fora feita para ser degustava aos poucos, com calma, para que seja ainda melhor aproveitada. 

Adquira já a obra clicando aqui!

7 comentários:

  1. O mais interessante são as questões. Deve ser ótimo! Principalmente pra mim que trabalho com revisão.

    Beijo,
    http://entaoqsd.blogspot.com.br/
    http://confesionesenpalabras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Humm, interessante este livro, uma boa dica agora que as aulas estão voltando.

    ResponderExcluir
  3. Boa noite Wanessa,


    Achei bem interessante esse livro, gostaria de le-lo...abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi, ainda não li esse livro, mas fiquei super interessada...gosto desses livros.
    Beijinhos
    http://marlicarmenescritora.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Ótima dica para a volta as aulas.
    bjs
    http://www.enteddyada.com/

    ResponderExcluir

O que você achou da postagem?