Resenha - Até Eu te Encontrar | Graciela Mayrink

Tudo começou quando Flávia decidiu sair de Lavras e passar a estudar na UFV (Universidade Federal de Viçosa), em Minas Gerais. Ela é uma menina que faz amizade muito fácil, logo conhece a República Máfia, um grupo de meninos da faculdade. São eles: Felipe, Mauro, Luigi e Ricardo. 

A jovem perdeu os pais quando ainda era criança, o que fez com que ela vivesse com seus tios em Alfenas - até se mudar para Viçosa. Mal sabia ela que essa mudança ia trazer muitas revelações de sua identidade...

Nesta nova cidade, muitas aventuras, paixões e confusões vão acontecer. Uma das confusões se chama Carla, a atual "namorada" de Luigi - um rapaz lindo e simpático. Carla é uma pessoa muito difícil de se lidar, além de ser SUPER possessiva.

Mas a questão é: Como Flávia vai vai conseguir sobreviver meio a tantos contratempos?


Realmente não vai ser fácil, porém, ela é uma menina que aprendeu muitas coisas com a vida e, claro, vai contar com a ajuda de seus novos amigos - inclusive de sua vizinha. Além disso, Flávia é conhecedora de diversos temas esotéricos: encontro de almas gêmeas, a existência de bruxas (mas não daquelas formas horrendas que vemos em filmes), entre outros. Tudo isso irá ajudá-la a passar por diversas situações em seu novo, e inexplorado, lar.

"Estava cansada, mas feliz pelos amigos que fizera e pela maneira como tudo estava acontecendo até o momento. Não se arrependia da decisão que tomara, da sair de Lavras e construir sua nova vida em um lugar diferente, com pessoas diferentes, da quais estava acostumada nos seus 18 anos de existência"

Na obra "Até eu te encontrar" há uma combinação perfeita entre realidade e misticismo, sem deixar o suspense de lado e uma colher - generosa - de romance. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O que você achou da postagem?