Resenha - O Fim de Todos Nós - Vol.1 | Megan Grewe

O livro conta a história de Kaelyn, uma jovem de dezesseis anos que volta a morar na ilha onde nasceu, após passar um período no continente. Até aí tudo parece normal, mas não. Ela acaba de se despedir do seu único melhor amigo - desde sua infância -, e não faz a menor ideia se irá vê-lo novamente; porém, espera ansiosamente, e acredita, que esse dia possa de fato chegar. Ele foi para o exterior, com o intuito de estudar, o que ela acha que ele deve está desempenhando muito bem o seu papel e, conhecendo novos lugares, amigos e etc, só não outra namorada, porque, claro, a dele estava lá na ilha, se chama Tessa; ela e Kae não se falam. 

Após um dia de aula, Kaelyn foi até a casa da sua colega de classe, Rachel - a única 'amiga' dela na ilha - para começar a preparar o trabalho em dupla que a professora havia passado. Mas aconteceu algo estranho naquela tarde, muito estranho, por sinal. Enquanto elas estavam no quarto, o pai de Rachel apareceu e começou a falar diversas baboseiras, inclusive sobre o seu pai. Tudo bem que ele nunca foi um homem que a população local admirava, mas todas aquelas coisas já passaram a ser insultos e pura falta de educação da parte dele. Então Kae decidiu ir embora, o pai de sua amiga recuou, mas ela seguiu em frente. Ao sair, ela percebeu que ele estava se coçando e espirrando. "Bom, deve ter pego um gripe qualquer", pensou ela. Quem dera se fosse apenas uma gripe qualquer.

Após certo tempo - cerca de uma semana - essa suposta gripe começou a se espalhar de uma forma assustadora. Sendo os sintomas: espirros, muita coceira (que ocasionava feridas na pele) e alucinação, loucura, surto e, finalmente, a morte. Todos esses sintomas são divididos em três estágios. No final das contas, poucas pessoas sobreviviam. Este era um novo vírus, que estava matando seus conhecidos, familiares e tudo mais. Ele não perdoava ninguém, seja idoso, criança, adulto, rico, pobre...  Kae estava com muito medo de perder tudo que lhe restava, o que fazia muito sentido. Perdera a mãe, o tio, o pai, e lutava para que não perdesse a prima, o seu "namorado" e sua única - e verdadeira - amiga. Mas, enquanto isso, a lista de óbitos só crescia, a cada hora que passava.

Pronto. Foi decretado o fim! O governo anunciou oficialmente que estava decretada a quarentena, imposta, sem que ninguém pudesse reivindicar pelos seus direitos. Isso acaba dificultando ainda mais as pesquisas para a cura do vírus, e uma possível vacina que possa prevenir contra ele. Após alguns conflitos, o exército que estava distribuindo tanto medicamentos quanto condimentos pela barca, agora está sendo feita a distribuição aérea, com um helicóptero. Como se não bastasse, houve roubos e um mortes desnecessárias. Depois nada mais foi enviado à ilha.

Agora faltam remédios, comida, água potável - já que a da ilha estava completamente contaminada -, energia - porque eles estavam sem luz há dias; sem televisão, rádio, internet e etc. E agora, o que será da população com um vírus a solta e sem alimento para que possam sobreviver? Eles esperam por um milagre. Na verdade, poucos deles, já que a grande maioria já se foi, e os que ainda estão vivos lutam pela sobrevivência.

21 comentários:

  1. Tipo assim, o seu texto esta com mais cara de resumo do que de resenha. Estou procurando uma resenha de alguém falando o que achou do livro.
    Mas valeu mesmo assim.

    bjus
    terradecarol.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Boa tarde, Carol!

      Sim, o texto está mais para 'resumão' da obra, porque, como eu disse, este livro terá continuação, e eu evitei soltar spoiler. Caso queira saber da minha opinião quanto as partes que ficaram inacabadas pela autora, peço para que entre em contato através do e-mail estanteseletiva@gmail.com, e terei o mais prazer em explicá-la ainda mais sobre a obra.

      Não me agrada nem um pouco spoiler, uma vez que a obra acaba perdendo a graça por não me pegar de surpresa com alguns fatos.

      Abraço

      Excluir
  2. Oie :)

    Realmente esse texto está mais para resumão, estou louco nesse livro acho que combina demais comigo ainda mais com o assunto Infecção kkkkk, beijos :D

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/ ( comenta lá :D )

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois então, Gabriel, é como eu disse à Carol, este é um livro que terá continuação, então se eu falasse demais rolaria muito spoiler, mas se mesmo assim quiser saber sobre outros detalhes da obra que eu não citei na resenha, peço para que entre em contato pelo e-mail estanteseletiva@gmail.com, terei o maior prazer em respondê-lo.

      Abraço

      Excluir
  3. Wanessa, parece ser uma leitura interessante, adorei a dica! Bjokas

    ResponderExcluir
  4. Nossa que perfeito! É um tema bem diferente, adorei

    Beijinhos, Garota Inocente

    ResponderExcluir
  5. Hey, Van.... tudo bem com vc? Eu acompanho o seu site desde 2012, adorooo.... bjsssss, Aline Martins

    ResponderExcluir
  6. menina, fiquei com vontade de ler,fiquei super curiosa aqui *-*

    Beeeeijoos, ótima quinta-feiraa :D
    Vou te contar makeup

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ler sem medo, Laiza. É muito bom, ainda mais sabendo que tem continuação! :)

      Abraço

      Excluir
  7. Oi Wanessa
    eu adorei
    no geral os livos da Intrinseca são muito bons!

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo contigo, Ítala. Até agora não me decepcionei com nenhum livro da Intrínseca.

      Abraço

      Excluir
  8. Nossa, me deixou curiosa!
    Vou procurar :)

    ** Hoje tem tutorial de Make de Noiva no blog, vem ver!**

    Beijo, Bom fim de Semana!
    http://www.mayraphael.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, May, e depois me diz o que achou!

      Abraço

      Excluir
  9. Oi!
    Quero ler esse livro. Parece ser interessante. Talvez a leitura me agrade.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois vale a pena conferir, Leandro! De fato é muito interessante.

      Abraço

      Excluir
  10. A capa me conquistou desde a divulgação! hehe
    A história parece ser muito legal, amo distopias e essa parece ser ótima *-*

    Beeijos,
    iSteh

    ResponderExcluir
  11. Oi Wanessa adorei o resumo... estou muito afim de ler esse livro... é uma forma de leitura diferente e contagiante... senti cenas de um ótimo filme em minha cabeça enquanto lia rsrrrs.. Xero!!

    http://minhasescriturasdih.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

O que você achou da postagem?