Resenha - A Travessia | William P. Young

Ao optar por ler A Travessia, não tive dúvidas de que eu estava fazendo a escolha certa. Quem já leu "A Cabana", sabe do que estou falando. Será que o que estou fazendo é certo? O que eu quero levar dessa vida condiz com o meu modo de agir?  Em ambos os livros essas perguntas se tornam frequentes e nos fazem refletir. Muitos dizem que o céu é o limite,  mas eu nunca acreditei nessa afirmação. Ao terminar de ler A Travessia tive certeza que o céu é apenas o começo de uma longa jornada.

Diferente do que muitos imaginam: Não, não é um livro auto-ajuda ou nem mesmo religioso, esse livro vai além de qualquer rótulo que a sociedade é capaz de impor. Nos surpreendemos ao conhecer o personagem principal, Anthony Spencer, um homem rico que está sempre determinado a alcançar suas metas - principalmente na empresa na qual ele é o dono -, belíssimo, intelectual e cobiçado pelas mulheres. Ele possuía qualidades que muitos de nós gostaríamos de ter, entretanto, faltava-lhe o maior bem de um homem, a família, consequentemente ele não era feliz.

Perdera seus pais quando ainda era pequeno, e juntamente ao seu irmão mais novo, chegou a conhecer outros lares para ser adotado por uma família. Quando Spencer já estava na idade adulta perdeu o contato com seu irmão, e fora casado por duas vezes com a mesma mulher. Ele gostava dela, mas não a amava, sempre a culpou pela morte de seu primeiro filho, com 5 anos, ainda que não fosse a responsável pelo acontecimento. Eles têm uma filha adolescente, mas decorrente do pai não dar atenção a ela decide então viver perto de sua mãe. Agora ele se vê sozinho e encontra nas bebidas alcoólicas um motivo para apagar todas as suas angústias. 

Certo dia Anthony se encontrava bêbado e, momentos depois foi surpreendido por um derrame. Foi levado com urgência ao hospital, mas por conta de outros problemas que se agravaram no decorrer de seu quadro clínico, ele acabou sendo internado na UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e coincidiu de entrar em coma.

         Jesus pegou a mão de Tony.
– Na jornada que está prestes a começar, você poderá escolher curar fisicamente uma pessoa, mas só uma. Assim que escolhê-la, a sua jornada chegará ao fim.
– Posso curar uma pessoa? Está me dizendo que sou capaz de curar quem eu quiser? – Na mesma hora, seus pensamentos se voltaram para o seu próprio corpo em um quarto de UTI. – Deixe-me ver se entendi. Posso curar qualquer pessoa que quiser?
        Jesus se inclinou na direção dele.
– Na verdade, você não pode curar ninguém, não sozinho. Mas estarei do seu lado, e a pessoa por quem você decidir orar, eu a curarei através de você.

Na busca de redenção, Tony deverá usar um poder que lhe foi concedido: o de curar uma pessoa. Será que ele terá coragem de fazer a escolha certa?

7 comentários:

  1. Ainda não li A Cabana. Embora eu tenha ouvido comentários ótimos sobre o livro, sei lá, eu comprei mas não tive coragem de lê-lo! E acontece a mesma coisa com A Travessia D:

    Beijos,
    Caroline, do Criticando por Aí.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Carol, querida, LEIA! rs
      Ambos são lindos demais!

      Abraço

      Excluir
  2. Bom dia,

    Gostei muito da sua resenha, esta excelente, mas o livro não faz meu estilo de leitura....abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Excelente indicação! Estarei adicionando às minhas leituras.
    Abraço, Célia.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico feliz por você ter gostado, Célia!
      Esse livro é excelente. Sem dúvidas você não vai se arrepender de lê-lo!

      Abraço

      Excluir
  4. Oi adorei.. muito obrigado, amei a maneira que vc usou para descrever essa resenha...me fez se interessar pelo livro....mas vc já leu o livro reverso escrito pelo autor Darlei... se trata de um livro arrebatador...ele coloca em cheque os maiores dogmas religiosos de todos os tempos.....e ainda inverte de forma brutal as teorias cientificas usando dilemas fantásticos; Além de revelar verdades sobre Jesus jamais mencionados na história.....acesse o link da livraria cultura e digite reverso...a capa do livro é linda
    www.livrariacultura.com.br/scripts/resenha/resenha.asp?

    ResponderExcluir

O que você achou da postagem?