Resenha - Para Cima e Não Para o Norte

O protagonista desta história é um Homem plano que vive num mundo de duas dimensões. Um dia, ele encontra uma impressão digital numa das páginas de um livro e fica obcecado por esta estranha "letra". Depois de intensas investigações, apercebe-se da existência de um mundo muito diferente do seu: um mundo com três dimensões; quando tenta divulgar a sua espantosa descoberta junto ao resto do povo plano, é acusado de delito de opinião, de perturbação da ordem pública e é preso. Mas não desiste e, quando sai da prisão, consegue descobrir um meio de passar para o mundo de três dimensões. Já deste "lado", e sabendo que só pode se manter por aqui se estiver permanentemente a ser "visto", opta por raptar leitores, espectadores e observadores em geral.

Um livro no mínimo "curioso". Onde a função do leitor e do livro são claramente trocadas, ou seja, o livro se torna o espectador, e o leitor, o personagem principal de uma história lividamente vivida. É como se você estivesse contando uma história ao livro. É diferente... bastante interessante. Vale a pena ter essa sensação. Muito boa, por sinal!

"Para Cima e Não Para o Norte" foi escrito pela Patrícia Portela, e fora publicado pela editora Leya no ano de 2012. Obra na qual somos apresentados a uma homem que vive, nada mais, nada menos, que em um universo plenamente 2D, o que também conhecemos como "livro". Tendo como a sua suposta "vida", um mundo digital. Até que um dia, em meio à viagens e roteiros repletos de palavras que faziam emergir letras e mais letras, ele encontra uma impressão digital, que até então não fazia ideia do que se tratava. Com isso, ele decidiu conhecer sobre o que se tratava e, como já era de se imaginar, passou a desconfiar de seu próprio universo.

E as investigações quanto àquela coisa chamada "impressão digital" continuou, até que o homem pôde descobrir que havia muito mais escondido que aparentava no início, eis que então ele aprendeu a "ler nas entrelinhas" e começou a decifrar certas coisas através de um jogo, no qual ele raptava o leitor/telespectador/auditório, que seja, e os faz vítimas de suas conclusões. E quem são esses? Nós. Por mais incrível que pareça. Só lendo para saber a sensação! Muito mais que um livro em 2D. Uma realidade digital em 3D.



10 comentários:

  1. interessante,mas não è o gênero de livro que prefiro nao.
    bom incio de semana

    baci

    ResponderExcluir
  2. Olá!!

    Esse livro é, no mínimo, ousado! Ainda não conhecia, mas fiquei super curiosa para ler!

    Beijos,

    Samantha Monteiro
    Word In My Bag
    http://wordinmybag.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá!! Adorei seu blog, e indiquei você para uma TAG das 5 capas mais bonitas da sua estante. A tag é bem fácil de responder, mas não se sinta obrigada a fazer isto. Se vc responder manda o link lá no meu blog

    http://estranhomundinhoinsano.blogspot.com.br/2013/01/tagcapas.html#more

    ResponderExcluir
  4. Olá!! Adorei seu blog, e indiquei você para uma TAG das 5 capas mais bonitas da sua estante. A tag é bem fácil de responder, mas não se sinta obrigada a fazer isto. Se vc responder manda o link lá no meu blog

    http://estranhomundinhoinsano.blogspot.com.br/2013/01/tagcapas.html#more

    ResponderExcluir
  5. bem diferente a história!! Parece super interessante!!! Eu gostaria de lê-lo :DDD

    Passando para desejar um ótimo dia!
    Liz<3
    The Red Lil' Shoes Blog
    http://theredlilshoes.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Obrigada Wanessa pela visitinha.
    Eu ainda nao conhecia este livro,pela palinha que deste parece ser muito bom.
    Eu amo ler,quando vou de ferias,sempre compro algum para me deliciar.
    bjs!

    ResponderExcluir
  7. Uau, que dica!
    Eu achei bem diferente e estranho, mas me deixou muito curiosa!
    Caramba, quanto custou?

    http://burnny.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Que interessante!
    Não conhecia o livro e agora quero muito.
    Adorei essa coisa de 2D, da inversão dos papéis. Achei tudo muito curioso.

    Beijos,

    Carissa
    http://artearoundtheworld.blogspot.com

    ResponderExcluir

O que você achou da postagem?