Resenha - Estilhaça-me, O Primeiro Livro da Trilogia

TENHO UMA MALDIÇÃO.
TENHO UM DOM.

SOU UM MONSTRO.
SOU SOBRE-HUMANA.

MEU TOQUE É LETAL.
MEU TOQUE É PODER.

SOU A ARMA DELES.
LUTAREI CONTRA ELES.

Juliette não toca alguém a exatamente 264 dias. A última vez que ela o fez, que foi por acidente, foi presa por assassinato. Ninguém sabe por que o toque de Juliette é fatal. Enquanto ela não fere ninguém, ninguém realmente se importa. O mundo está ocupado demais se desmoronando para se importar com uma menina de 17 anos de idade. Doenças estão acabando com a população, a comida é difícil de encontrar, os pássaros não voam mais, e as nuvens são da cor errada. O Restabelecimento disse que seu caminho era a única maneira de consertar as coisas, então eles jogaram Juliette em uma célula. Agora muitas pessoas estão mortas, os sobreviventes estão sussurrando guerra – e o Restabelecimento mudou sua mente. Talvez Juliette é mais do que uma alma torturada de pelúcia em um corpo venenoso. Talvez ela seja exatamente o que precisamos agora. Juliette tem que fazer uma escolha: ser uma arma. Ou ser um guerreiro.

"Sedutor, intenso e cheio de romance.
Estou com inveja. Não conseguia parar de ler."
- Lauren Kate, best-seller # 1 do The New York Times.


Tive o imenso prazer de conhecer a Tahereh Mafi - autora do livro Estilhaça-me - em uma tarde de autógrafos no Hotel Caesar Park, em Ipanema - RJ. Muitíssimo simpática, por sinal!

"Meus pais pararam de tocar em mim quando passei a engatinhar. Fiz meus colegas de classe chorar só por lhes segurar as mãos. Os professores me faziam trabalhar sozinha para que eu não machucasse as outras crianças. Nunca tive um amigo. Nunca conheci o aconchego do abraço de uma mãe. Nunca senti a ternura do beijo de um pai. Eu não sou louca."
Pág. 23

Juliette, uma pessoa no mínimo assustadora diferente. há pelo menos 264 dias está trancafiada em uma cela, desligada de tudo e todos, afastada de todo o resto do mundo. O motivo? Bom, ela tem uma maldição dom, é um monstro sobre-humana e, seu toque é letal poder. Está bom ou quer mais?

Nem mesmo praticar boa-ação pode ter um resultado tão bom assim. Pelo menos não para quem está se "beneficiando". Juliette, como num passe de mágica, fora ajudar um menino e, de repente, ele estava ali, morto. Foi involuntário... O que era para ser uma coisa boa, acabara por ser uma grande tragédia. Pois, bem ou mal, ela era uma assassina, mesmo sem querer. 

Depois desse acontecimento, houveram casos de nos deixar sem fôlego e, se eu contar, perderá a graça quando forem ler.

O livro é narrado em primeira pessoa - o que me atrai bastante -. Outro fato, é que muitas das palavras são riscadas, o certo e o duvidoso. Achei essa ideia incrível e empolgante! Entretanto, se trata de um romance distópico, mesmo sendo um pouco camuflado, percebemos apenas em alguns pontos principais. 

Contei os dias, horas, minutos e segundos pelo livro, e VALEU A PENA! Uau, que livro. Que livro! Bravo, bravo, bravíssimo!!! Desde a narrativas às características dos personagens, tudo muito bem feito. Tudo, absolutamente tudo na medida certa. 


25 comentários:

  1. Pela sinopse... encantei-me. Consta da minha lista! Obrigada! Valeu!
    Abraço, Célia.

    ResponderExcluir
  2. Achei bem instigante a sinopse, deu muita vontade de ler.
    bjs
    http://www.enteddyada.com/

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha, Wan.. Ficou sensacional!!
    Beijosss :**

    ResponderExcluir
  4. Boa noite Wanessa,

    Li e resenhei esse livro no blog e recomendo...abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Wanessa!
    O livro realmente é muito bom. O tema distopia está em alta e a protagonista é diferente e forte, mais forte do que imaginamos, concorda?
    Bom ter conhecido a autora e ter um exemplar autografado.
    cheirinhos
    Rudy

    ResponderExcluir
  6. Oi Wanessa, estou aqui para agradecer sua visita no meu blog....to super feliz e surpresa, porque seus blogs enfocam um tema bem diferente do meu....legal esse intercâmbio...bj

    ResponderExcluir
  7. Olá Wanessa,

    Li esse livro e gostei bastante...estou seguindo o seu blog, sou esposa do Marco Antonio do blog devorador de letras....bjs.

    http://blogdamajorie.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Tenso!
    adorei a resenha
    quero ler o livro.

    bjs

    ResponderExcluir
  9. Me interessei! Amo suas resenhas!

    beeijo
    www.misssainha.com

    ResponderExcluir
  10. Esse livro é muito bom mesmo, eu adorei. A narrativa da Tahereh Mafi é completamente original e genial, e a trama do livro é ótima. :)
    Beeeijos

    ResponderExcluir
  11. Super dica, gostei
    Passando para desejar
    Boa quarta!
    ♥ Beijos coloridos!

    ResponderExcluir
  12. Ainda não tive a oportunidade de ler o livro,mas acho a estória bem construída.
    Oque me lembra um pouco a Vampira dos X Man,que também não pode tocar em ninguém.
    Mas ao mesmo tempo acho triste por Juliette ter que ficar trancafiada.
    Uma ótima dica para leitura.
    Alexandra
    http://magiasbook.blogspot.com.br/2012/10/resenha-entre-dois-mundos-ligia-miraglia.html

    ResponderExcluir
  13. Eu ainda não li o livro, mas a Ariel aqui do blog já leu e apaixonou. Adoro distopias e com certeza esse livro está na minha wishlist haha Quem sabe não ganho de natal ? haha
    Adorei a resenha, parabéns, de vdd

    Beijos,
    Júlia Berringer
    http://beingjournalists.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. não conheço o livro mas parece muito bom.
    http://www.camilacardozo.com/

    ResponderExcluir
  15. Quando vejo trilogia logo penso em filmes, rsrsrs
    Beijo

    ResponderExcluir
  16. Deve ser uma história interessante!
    Beijos linda!!

    ResponderExcluir
  17. Olá Wanessa, tudo bem?
    Vim agradecer a visita e dizer que é sempre muito bem vinda, ok?

    Parabéns pela resenha!

    bjOO e sucesso!

    http://brechodanylins.blogspot.com/
    @brechodanylins

    ResponderExcluir
  18. Sabe que eu não consegui me apaixonar pela história? Acho que fui com muita sede ao pote e acabei me afogando, rsrs, mas sério mesmo, achei a té a linguagem meio cansativa.

    Beijokss

    Vanessa - Blog do Balaio

    ResponderExcluir
  19. Nossa que legal poder conhecer a autora, com certeza eu gostaria de ter a chance de conhece-la, eu simplesmente me apaixonei por estilhaça-me.

    Beijos,
    Pepper Lipstick

    ResponderExcluir
  20. Fiquei curiosa. Irá para minha lista de livros. Beijinhos.

    ResponderExcluir
  21. Nossa!! Muito rico teu cantinho!!! Passarei mais vzes!!!
    Bjos

    ResponderExcluir
  22. Eu estou louca para ler este livro há tempos! Logo irei comprá-lo.

    ResponderExcluir
  23. Esse livro nos primeiros capítulos eu detesteiii, mas não desisti da leitura, um pouco antes da metade eu acabei sendo conquistada pela história e com certeza é um dos melhores livros que li nesse ano. :)

    ResponderExcluir

O que você achou da postagem?