Resenha - Teatro, Comunicação e Sociabilidade

Teatro, comunicação e sociabilidade – Uma análise da censura ao teatro amador em São Paulo (1946-1970), apresenta, em uma coletânea de artigos acadêmicos, um período de grande efervescência teatral e cultural, que se fermentou no âmago das comunidades de imigrados europeus. 

A encenação teatral em diversas línguas e vários sotaques se impunha como provocação para o encontro da coletividade, colocando a vocação da cidade de São Paulo para o cultivo da diversidade. Para antropofagias e mestiçagens.

Com o objetivo de reencontrar essas vozes e entender esses gestos fez-se a pesquisa aos documentos do acervo do Arquivo Miroel Silveira. Na busca pelos artistas amadores, encontrou-se uma cidade e suas organizações sociais, a vida nas associações. 

O teatro se revelou um meio de comunicação, como forma de sociabilidade, lastreando os laços entre os diferentes povos que constituem a base da formação do cidadão paulistano. Refazer os caminhos do teatro amador, por meio dos documentos de censura, mobiliza e constitui o objetivo da pesquisa: Quem eram aquelas pessoas? O que elas queriam com o teatro? Como se organizavam? Quais os temas das peças encenadas? Por que censurar o teatro de agremiações como as que assinaram os requerimentos de solicitação de liberação à censura?

Esse é o livro ideal para quem almeja seguir a carreira de: ator, jornalista, roteirista, diretor e etc. Pois, o livro abrange diversos assunto coligados a mídia. 
Qual seria o primeiro passo na montagem de uma peça teatral? Nesse livro, você pode aprender estratégias essenciais na construção dos diálogos. 
Outra coisa que me chamou muito a atenção é que, o livro trata, basicamente, da censura ao Teatro Amador em São Paulo. O que gera muita polêmica.
Enfim, um livro repleto de cultura e aulas e mais aulas de história. Simplesmente: Incrível!

Arquivo Miroel Silveira

O Projeto Temático Comunicação e Censura: análise teórica e documental de processos censórios a partir do Arquivo Miroel Silveira da biblioteca da ECA/USP, iniciado em 2009 com financiamento da FAPESP (Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo) é responsável por conservar e estudar mais de seis mil processos de censura prévia ao teatro. Originados do Serviço de Censura do Departamento de Diversões Públicas do Estado de São Paulo (DDP-SP), que atuou durante 40 anos nas atividades culturais do Estado de São Paulo.

Os processos abrangem períodos ditatoriais no país – a era Vargas (1930 – 1945) e o início da Ditadura Militar (1964-1970) -, permitindo o estudo dos trâmites dos processos censórios e seus efeitos sobre a produção artística brasileira.

Também em reconhecimento ao trabalho desenvolvido pelos pesquisadores do Arquivo Miroel Silveira, foi institucionalizado em agosto de 2009 o NPCC – Núcleo de Pesquisa em Comunicação e Censura.

Sobre Miroel Silveira (Santos, 1914 – São Paulo, 1988)

Foi jornalista, escritor, dramaturgo, ator, diretor, professor, programador, redator, consultor literário, correspondente e crítico teatral, membro de comissões julgadoras, pesquisador, teatrólogo, diretor, tradutor, adaptador de romances, roteirista, argumentista e autor de musicais.

Em 1938, recebeu um prêmio da Academia Paulista de Letras, pelo livro de contos “Bonecos do Engonço”.

Com participação ativa na produção e na administração cultural de São Paulo, atuou como membro fundador do Conselho Municipal de Cultura nas cidades de Santos e São Paulo, foi diretor artístico da primeira Cia. Teatral Bibi Ferreira , Diretor do Suplemento Literário do Diário de Santos e Professor do então Departamento de Teatro, Cinema, Rádio e TV (CTR) da ECA-USP.

Durante sua tese de doutoramento o profº Miroel Silveira utilizou este arquivo como uma de suas fontes de pesquisa. Localizou aproximadamente 80 peças não publicadas, além de notícias veiculadas por órgãos de circulação especializada da época.

A tese, orientada por Décio de Almeida Prado, intitula-se “A Comédia de Costumes – Período Ítalo Brasileiro: Subsídio para estudo da contribuição italiana ao nosso teatro” ; onde o professor fez um estudo de como a emigração italiana se organizou nas sociedades filodramáticas, precursoras deste movimento, e como ocorreu posteriormente sua diluição em meio ao teatro brasileiro.

Com o fim da Censura, na década de 80, Miroel Silveira trouxe para a Universidade de São Paulo o arquivo de documentos do DEIP – SP, que hoje serve de base para o projeto A Censura em Cena.

Adquira já seu exemplar clicando aqui!

23 comentários:

  1. Não é muito meu tipo de livro (na área acadêmica não é meu interesse), mas parece uma pesquisa bem completa!

    ResponderExcluir
  2. Bem interessante o tema do livro!
    Bjos!
    amonailart.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Seus posts são sempre ótimos, super bem escritos e com ótimas sugestões de leitura, adoro.
    Beijo

    ResponderExcluir
  4. Bem interessante, seria um desafio literario pra mim >.<

    http://help-adolecentro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Bem interessante o livro!

    Beijos,
    http://placestyle.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Não é o tipo de livro que eu gosto de ler, mas é bem interessante o assunto. Volte sempre no GQ!

    Beijos,
    Anna
    http://garota-queen.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  7. O tema é interessante, já que se trata de arte, mas não acho que seja uma leitura que me agradaria. Prefiro deixar passar dessa vez ;)

    Beijos

    ResponderExcluir
  8. Boa dica, parece ser bom :* beijos

    deborah-alana.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá :)
    Tema interessante,diferente *-*
    Gostaria de ler :)

    Beijos e cuide-se

    www.rimasdopreto.com

    ResponderExcluir
  10. Nossa, eu sou apaixonada por teatro, mas curso comunicação social. Achei esse livro ideal para o meu conhecimento e carreira até, né? Vou ver se compro essa semana mesmo. Obrigada pela dica! beijos

    ResponderExcluir
  11. Hey,
    tenho que confessar que não gosto de livros do tipo... nunca me interessei e tal. Porém, acho que seria interessante ler esse *-*

    Bye (tem resenha nova no blog),
    http://prateleiradepensamentos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Seus posts são ótimos adorei :}
    Obrigada pela visita.
    tem matéria nova lá no meu blog, dá uma passadinha. ;)
    Beeeeijos :*
    http://lizandramakeup.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  13. Eu já tinha ouvido falar do projeto A censura encena e não sabia do que se tratava, adorei descobrir aqui :)
    Bjus

    Rafaela
    www.rafaelando.com

    ResponderExcluir
  14. Esse faz bem o meu estilo literário. Sou apaixonada por teatro! *-*

    ResponderExcluir
  15. Oi flor fico feliz que você gostou do sorteio!
    Tem post novo no meu blog
    http://daniele-costa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  16. Eu já ouvi falar disso. Legal!!! u-u

    candyces.blogspot.com

    ResponderExcluir
  17. totalmente diferente do tipo de livro que gosto e me interesso de ler, mas parece ser muito bom.
    obrigada pela visita, continue me acompanhando.
    bjinhos

    www.julianaleiteg.blogspot.com

    ResponderExcluir
  18. Deve ser bem interessante o livro.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  19. Não sei se seria uma boa opção para mim, não faz muito o meu estilo de leitura. :)
    Beeeijos

    ResponderExcluir
  20. PArece ser uma ótima leitura da área... bjokas

    ResponderExcluir
  21. Acho tão interessante e lindo o teatro, gostaria de ter um colunista no meu blog que falasse umas 2 vezes no mês sobre esse assunto. Gostei muito dessa dica de livro, ótimo para conhecer mais sobre essa área.

    ResponderExcluir
  22. Quem quiser comprar o livro, com frete grátis, pode pegar direto no site da Balão: http://www.balaoeditorial.com.br/teatro-comunic-o-e-sociabilidade.html

    ResponderExcluir

O que você achou da postagem?